Muitas pacientes tem me perguntado sobre o MD Codes, “procedimento” muito badalado nas revistas, sites e blogs.

Quando avalio pela primeira vez um paciente, a primeira coisa que faço é perguntar o que está incomodando mais. Entrego um espelho e peço que se olhe e me mostre. Quando o paciente me mostra, até a forma como ele  faz e se movimenta significa muito pra mim. Durante a avaliação, vou conversando e observando os mínimos detalhes dos desejos e expectativas manifestados, das emoções e motivações reais que nem sempre  são verbalizadas e só depois de entender todo seu contexto é que estabeleço um plano de tratamento. Avalio a face como um todo pois nem sempre a região que o paciente deseja tratar é a que realmente vai fazê-lo atingir seu objetivo. Por exemplo, a queixa é bigode chinês e no entanto, o que o realmente vai dar o efeito que o paciente espera é um preenchimento no malar. Quem tem que traduzir e apresentar o tratamento e o resultado adequados sou eu. Quando avalio o rosto inteiro e sugiro mais de um ponto de tratamento, proporciono um resultado mais harmônico e natural.

Há mais de 20 anos atrás, um dos meus professores preferidos, o cirurgião plástico  Dr Almir Nácul, criou a harmonização facial através da bioplastia, técnica através da qual se repõe volume redefinindo os contornos faciais. Dr. Nácul foi genial quando descobriu que se mexendo num ponto, podemos melhorar vários outros.

Há 17 anos que venho buscando ferramentas que  possibilitem  aumentar o meu conhecimento e a minha sensibilidade de perceber e captar o real desejo dos meus pacientes e o MD Codes é mais uma ferramenta útil nesta caminhada. Os MD Codes são nada mais que a redefinição destas áreas destacadas pelo Dr. Almir Nácul.

Os MD Codes (códigos médicos) são vários pontos precisos definidos para orientar os tratamentos com preenchimento no rosto. Cada ponto é representado por letras e números, onde as letras representam uma determinada área anatômica e os números indicam a sequência em que as injeções podem ser potencialmente aplicadas. O produto injetado é o ácido hialurônico, variando a quantidade e concentração dependendo da região tratada. É feito o mapeamento da face por meio destes pontos onde serão feitos os preenchimentos,  proporcionando uma aparência mais harmônica e jovial, sem perder a naturalidade. O método é o resultado de um estudo feito pelo cirurgião plástico brasileiro Dr. Maurício de Maio.

É mais um passo na evolução da estética médica.

Dra. Letícia Villwock – CREMERS 25419

Tratamentos Estéticos – Moinhos de Vento / Porto Alegre

Telefone: (51)3012-1137

WhatsApp: (51)9.9290-8734