A HIPERHIDROSE AXILAR é o nome da patologia caracterizada por suor excessivo na região das axilas. Acomete 2,5% da população, e causa muito desconforto.

Existem muitos tratamentos inclusive cirúrgicos, mas venho hoje destacar o uso da toxina botulínica. A TOXINA BOTULÍNICA é conhecida por bloquear fibras musculares na região das glândulas sudoríparas. Desde a década de 1990, tem sido empregada no tratamento da hiperidrose e vários estudos demonstraram sua EFICÁCIA, SEGURANÇA e boa tolerabilidade como opção aos tratamentos tópicos, sistêmicos e cirúrgicos. Frequentemente são utilizadas 50 a 100 unidades por axila, embora muitos estudos tenham demonstrado que doses superiores a 50 unidades por axila têm pouca melhora significativa. Eu costumo aplicar 50 unidades por axila com excelentes resultados. O procedimento é SIMPLES e RÁPIDO, sendo realizado no consultório e o paciente podendo voltar imediatamente as suas atividades normais.